Sair
Ajuste de folga na corrente

Primeiro, vamos considerar que você está utilizando coroa, pinhão e corrente novos.Toda peça mecânica que trabalha em um conjunto necessita de ajuste mecânico para atingir seu pico de desempenho.Com a relação de tração se dá o mesmo. O ponto crítico nesse caso é a corrente pois posui partes móveis interligadas ( existem folgas entre os rolos da corrente para que ela se torne maleável, sem essa folga a correte seria um elemento sem articulação).Quando a corrente é nova e não foi submetida a forças de tração ela 'mede'um determinado valor.Após ser utilizada, as forças de tração a que é submetida 'esticam' os elos e reduzem as folgas entre os rolos, logo sua medida é ligeiramente maior do que quando nova. ë por isso que quando montamos uma relação nova observamos uma variação da tensão da corrente, as peças não estão ajustadas mecanicamente, coroa, corrente e pinhão ainda não assumiram sua condição de uso normal. Quando ajustamos a folga inicial, devemos localizar o ponto mais tensionado e calculamos por volta de 1 cm de ocilação. Apósm esse procedimento devemos dar no mínimo 4 voltas com o kart e retornar ao box para regularmos novamente a folga da corrente, desta vez em definitivo. Com as voltas dadas as peças já se conformaram e a corrente já assumiu valores próximos ao ideal para uso prolongado. Sabendo que a corrente estica, então podemos concluir que uma coroa ou um pinhão novos devem ter uma folga mínima em relação a corrente, pois essa folga irá aumentar quando a corrente assumir sua cotas definitivas. Isso é importante por que se traduz em ganho de potencia pata o motor. Uma coroa desalinhada ou corrente muito apertada irão desperdiçar potência do motor para ajustaren-se, além de provocar o desgaste prematuro de todo o conjunto de tração.



<< Voltar